O elétrico Dacia Spring ou o Opel Mokka-e?

Uma escolha difícil? Vamos ver.

Prepare-se para aderir à realidade das emissões zero a baixo custo com dois SUV elétricos, que chegaram e estão a dar nas vistas por razões diferentes e interessantes.

O Dacia Spring Electric — uma opção super barata e amiga do ambiente — e o Opel Mokka-e — com um design distinto e com tecnologia mais atualizada do que o seu antecessor.

Mas como é que estes dois veículos elétricos (VE) se comparam em termos de preço vs vantagens, potência e estilo? Vamos por partes.

10 de junho de 2021
A partir de €417

Opel Mokka-e

Por um lado, o Mokka-e é uma opção inteligente e elegante que se destaca pelas suas linhas acentuadas e distintivas, interior contemporâneo e tecnologia de bordo útil. O interior, sem elementos desnecessários, apresenta um painel de instrumentos dominado pela sua marca 'Pure Panel' — dois ecrãs panorâmicos concebidos para lhe mostrar tudo o que precisa de ver e nada mais. Entre os complementos tecnológicos inovadores, estão o Cruise Control adaptativo e a assistência à manutenção na faixa de rodagem. Com opção de carregamento sem fios, o Apple CarPlay e o Android Auto vêm de série em toda a gama.

  • Estilo da carroçaria: Veículo Utilitário Desportivo (SUV)
  • Motor: Elétrico
  • Potência: 100 kW
  • Autonomia WLTP: 322 km
  • Modos de condução: Eco, Normal, Desportivo
  • Velocidade máxima: 150 km/h
  • Transmissão: tração dianteira
  • Portas: 5
  • Lugares: 5
A partir de €244

Dacia Spring Electric

A primeira oferta elétrica da marca romena, famosa pelos preços baixos e detida pela Renault, o Dacia Spring oferece muito por muito menos. Considerado, pelos seus dirigentes, como o carro elétrico mais barato da Europa, o Dacia Spring Electric é o Renault City-KZE da China, com um toque europeu. Apesar do seu aspeto aventureiro e da sua capacidade de quebrar recordes, o Spring Electric é um verdadeiro citadino com dimensões modestas. Com uma autonomia de 225 km no ciclo WLTP (295 km em WLTP cidade), oferece uma grande versatilidade, tanto para uma utilização urbana como para maiores trajetos.

  • Estilo da carroçaria: Veículo Utilitário Desportivo (SUV)
  • Motor: Elétrico
  • Potência: 100 kW
  • Autonomia WLTP: 295 km
  • Modos de condução: Eco
  • Velocidade máxima: 125 km/h
  • Transmissão: tração dianteira
  • Portas: 5
  • Lugares: 5

 

Design e tecnologia

O Mokka-e é o primeiro carro, sob a insígnia da Opel, a estrear uma nova linguagem de design, apresentando mais linhas angulares, dobras pronunciadas e uma linha de tejadilho flutuante. O capot alto (que se pode ver do banco do condutor) dá-lhe a impressão de estar a conduzir um veículo utilitário desportivo, ainda que o Mokka-e seja apenas ligeiramente mais alto do que um pequeno hatchback normal.  A Opel também montou os bancos bastante altos, para dar aos condutores uma visão mais dominante da estrada. O Mokka-e tem um nível de acabamentos ligeiramente mais simples do que o automóvel convencional.

O VE da Dacia é pequeno em todo o lado. Desde o seu pequeno conjunto de baterias (27,4 kWh), ao seu pequeno círculo de viragem (9,6 metros), até ao seu preço super baixo — mas é grande em benefícios em todo o lado. As suas pequenas dimensões (3,73 metros de comprimento) colocam-no algures entre o Volkswagen Up! e o MINI hatchback. Mas é volumoso, com alguns traços de estilo SUV — como a distância ao solo acima da média, o revestimento em arco das rodas volumosas e as calhas do tejadilho. O ar condicionado e os vidros elétricos são de série e, por apenas mais algum dinheiro, o pacote 'Comfort Plus' inclui capas de assento em pele, pintura metálica, uma roda sobresselente de tamanho normal, sensores de estacionamento, uma câmara de inversão de marcha, rádio digital DAB, navegação por satélite e integração com smartphone.

 

Potência e condução

Sob a carroçaria elegante do Mokka-e, encontra-se um grupo propulsor silencioso que confere um maior requinte à experiência de condução e um bom equilíbrio entre eficiência e desempenho. Utiliza uma bateria de 50kWh acoplada com um motor elétrico de 134bhp, e pode carregá-la até 100kW. Não irá empurrá-lo contra o assento como um Tesla, ou outros carros elétricos, mas irá levá-lo a velocidades de autoestrada — dos 0 aos 100 km em 8,7 segundos.   

O Dacia Spring está equipado com um motor elétrico de 43bhp, com 125Nm de torque emparelhado com uma bateria de 26,8kWh, o que, de acordo com testes oficiais WLTP, permite uma autonomia de 295 km com um único carregamento. O Spring promete uma excelente manobrabilidade com um raio de viragem apertado de 4,8 metros — apenas 20 cm superior ao de um Honda e  —  de modo que é muito fácil estacionar, uma característica bem-vinda e ideal para a condução em cidade.

Conclusão

O Dacia Spring é um veículo citadino extremamente adequado ao fim a que se destina, com abundantes regalias por um preço muito baixo. A segunda geração Mokka-e oferece uma gama respeitável, com uma economia forte no mundo real, tornando-se um rival digno.

Quer conduzir um Opel Mokka-e ou um Dacia Spring Electric?

Envie-nos os seus dados para podermos entrar em contacto consigo. Teremos todo o gosto em analisar as opções de renting, sem qualquer compromisso.

Ligue 800 10 70 70

Disponível de segunda a quinta-feira, das 09:00 às 13:00 e das 14:00 às 17:30. Às sextas-feiras, disponível das 09:00 às 13:00 e das 14:00 às 17:00. Chamada gratuita.

LIGAR JÁ
e-mail

Envie um e-mail

Entre em contacto connosco através do endereço de e-mail renting.auto@leaseplan.com.

enviar já