iStock-1185273881

Uber, Ford, Slack ou Airbnb já só voltam ao escritório em agosto de 2021

1 min de leituraLifestyle
Quando a pandemia obrigou ao confinamento, muitas empresas olharam para este cenário como algo temporário. Mas, neste momento, a lista de empresas que adiaram o regresso ao escritório até agosto de 2021 - na melhor das hipóteses -, continua a aumentar.
Partilhar esta mensagem

Como sabemos a Google é uma das empresas que privilegia o teletrabalho e uma das primeiras a anunciar que só em Julho de 2021 é que tenciona regressar às suas instalações. A Uber, Slack e Airbnb juntaram-se à lista. Na semana passada, a Microsoft, Target e Ford Motor também empurraram o regresso ao trabalho presencial para o próximo verão. Assumiram que a pandemia está aí e que não vai desaparecer tão cedo.

Espera-se que mais empresas venham a adiar as suas datas de regresso ao escritório para manter os trabalhadores em segurança. Estes, por seu lado, não mostram grande pressa em regressar. Aliás, segundo um estudo da estudo da Wakefield Research, cerca de 73% dos empregados dos EUA receiam que o facto de estarem no seu local de trabalho possa constituir um risco para a sua saúde e segurança pessoal.

Mais empresas estão a preparar-se para implementar políticas permanentes de trabalho em home office, para que os seus funcionários não tenham de voltar ao escritório. Em Maio, o Facebook foi um dos primeiros a anunciar que permitiria a muitos empregados trabalhar remotamente, mesmo após a pandemia. Twitter, Coinbase, Shopify e Microsof também afirmaram o mesmo.

Publicado a 22 de outubro de 2020
22 de outubro de 2020
Partilhar esta mensagem

Artigos relacionados

Gestão de frotasEconomia mundial em disrupção. Qual o impacto na gestão de frotas?22 abril - 4 min de leituraArrowRight
Gestão de frotasPasse à frente da fila com a nova área de pedidos do My Fleet02 dezembro 2021 - 2 min de leituraArrowRight
Gestão de frotasQuando a gestão da frota se torna complexa25 fevereiro 2020 - 3 min de leituraArrowRight