iStock-837409978-scaled

As últimas 4 novidades vindas da China

1 min de leituraInovação
O salão de Xangai, decorreu durante o passado mês de abril e foi a primeira feira de tecnologia presencial após a crise pandémica. Por lá passaram marcas como a Lamborghini, a Mercedes, a Audi, a BMW e a Toyota.
Partilhar esta mensagem

As portas do Salão de Xangai voltaram a abriram ao público, para a sua 19.ª edição. Sendo a China o maior mercado automóvel mundial, a maioria dos construtores estiveram presentes e revelaram as principais novidades a lançar num futuro próximo.

Lamborghini – Essenza SCV12

O coupé Essenza SCV12 foi uma das novidades mais aguardadas nesta edição do Salão de Xangai.

Com motor V12 de 6,5 litros este  "monstro" de corrida debita 830 cv, o máximo que já foi retirado desta unidade.

Antes de chegar às rodas traseiras, a potência passa por uma caixa sequencial de seis velocidades, capaz de suportar o esforço a que vai ser submetida em pista.

Mercedes - EQS

O EQS é a primeira limousine de luxo 100% elétrica da Mercedes-EQ, que redefine este segmento de veículos. Este é também o primeiro modelo a receber a arquitetura modular dos veículos elétricos dos segmentos de luxo e executivo.

As primeiras versões do modelo lançadas no mercado serão o EQS 450+ com 245 kW de potência, e o EQS 580 4MATIC com 385 kW de potência.

Ao combinar tecnologia, design, funcionalidade e conectividade, o EQS apela a condutores e passageiros.

Audi – A6 e-tron

A Audi não quer ficar para trás na corrida e, por esse motivo, levou até à China o A6 e-tron Concept. O modelo propõe mais de 700 km entre recargas, carregamento ultra-rápido e alta potência na estrada.

novo elétrico será um dos modelos desenvolvidos com base na nova plataforma do grupo, a Premium Platform Electric (PPE). Até 2030, a empresa pretende comercializar 7 milhões de automóveis assentes nesta tecnologia.

Toyota- bZ4X

O bZ4X Concept é o novo SUV 100% elétrico apresentado pelo maior construtor automóvel mundial. O modelo resulta da cooperação entre a Toyota e a Subaru, a exemplo do que já acontece com os desportivos GR86 e BRZ.

Para já, sabe-se que este será o primeiro de 15 elétricos a bateria que a marca irá apresentar até 2025, estando a sua produção prevista para 2022.

Publicado a 12 de maio de 2021
12 de maio de 2021
Partilhar esta mensagem

Artigos relacionados

Gestão de frotasEconomia mundial em disrupção. Qual o impacto na gestão de frotas?22 abril - 4 min de leituraArrowRight
Gestão de frotasPasse à frente da fila com a nova área de pedidos do My Fleet02 dezembro 2021 - 2 min de leituraArrowRight
Gestão de frotasQuando a gestão da frota se torna complexa25 fevereiro 2020 - 3 min de leituraArrowRight